Hotel Taj Mahal / Acajatuba Lodge

Viverde,

Ficamos encantados em conhecer Manaus, só nos faltou um pouco de esclarecimentos para confirmar nosso roteiro quando chegamos à Manaus, o funcionário do hotel Taj Mahal deveria ser capaz de prestar outros esclarecimentos, mais detalhes sobre a nossa viagem. Nossos contatos deixaram tudo bem esclarecido, mas não custava nada falar.

Outra coisa que nos deixou intrigados foi a quantidade de estrangeiros em nosso país , nos sentimos de certa forma fora do Brasil, tudo lá no hotel Acajatuba é destinado quase que exclusivamente para estrangeiros, fomos salvos por alguns funcionários, todos maravilhosos, para conseguir conversar. Todo serviço prestado pelos dois hoteis estavam dentro de nossas expectativas.

Todos vocês deveriam buscar formas de divulgar as belezas que lá existem para o nosso país, muitos ficariam encantados com tudo que nós vimos e vivemos. Só falta acrescentar algumas atividades infantis, eles podem ser um público alvo para a empresa de vocês, com certeza meu filho será aquele que mais fará a propaganda de boca a boca.

Simone, Rosemar e Guilherme

Juma Lodge

Caro Ricardo,

Hoje, conversamos com o Sr. Eduardo e ele gostou muito da viagem, ressalvando que o hotel Juma, por ter um atendimento familiar, as coisas nem sempre correm 100%. Porém, segundo disse, nada que comprometa a satisfação pela viagem.

Sem mais, esperamos que em breve possamos novamente ter clientes para a Amazônia.

Saudações,

Antonio Sergio De Domenico

Hotel Tropical / Hotel Park Suites

Ricardo,

Foi tudo bem. Conforme dito anteriormente, visitamos Manaus desde 1972. Esperamos repetir.

Então vamos às comparações:

Sua sugestão valeu, pois são distintas as situações.

Embora antigo, o Tropical Ecoresort ainda nos fascina pelo conjunto. A começar pelo café da manhã onde, embora o do Tropical Business seja do mesmo nível, o Tropical tem o “burburinho” dos hóspedes que dão a impressão que todos formam uma grande família. A tapioca fita na hora é muito interessante. Daí, vamos ao complexo das piscinas que, com suas cascatas barulhentas, criam a fantasia do movimanto e permitem uma “chuveirada” antes de cair n’água. As lojas, o mini zoo e as tartarugas são atrativos sempre atuais para relaxar a mente. A área interna, que antes abrigava algumas aves, hoje tem um serviço de bar com um chope bem tirado. Foi uma modificação inteligente.
Uma sugestão para o Tropical Ecoresort é a de não cobrar “diária” pelo uso do cofre com chave (cerca de R$ 8,00), pois nos apartamentos que dispõem de cofre com segredo eletrônico não há cobrança. Seria feito um “vale”, que no caso da perda da chave garantiria o ressarcimento pelo hóspede.
Entendemos que para manter tudo isto funcionando, os custos são maiores e devem ser cobertos por quem se hospeda.
O Tropical Business tem como atrativo a vista de cima, que o Tropical tradicional não tem. Também, sendo naturalmente ventilado, o Busines é mais adequado às pessoas com problemas de alergia. A piscina é muito boa e bem localizada.
No mais, ambos têm seu valor. Podem ser recomendados.

Sds: Ary/Mirian

Hotel Taj Mahal / Acajatuba Lodge / Hotel Park Suites

Caro Ricardo,

Nosso retorno foi muito tranquilo… não tivemos nenhum contratempo! Obrigado!

A viagem superou nossas expectativas… gostamos muito de Manaus… Dá até vontade de mudar pra aí!..apesar do calor.. a primeira sensação ao sair do aeroporto foi a de entrar em um forno! Incomodou um pouco mais a minha esposa, mas só nos primeiros dias e no centro (hotel Taj Mahal).

A praça do Teatro Amazonas é muito legal! Assistimos a uma apresentação da orquestra de violões e ao show musical Maria Maria tomamos o tucupi no tacacá. Visitamos o Porto, Mercado compramos pirarucu, assistimos o jogo do Brasil na feira de artesanato, Só não deu muito certo ter deixado para segunda feira a visita ao IPAM e outros governamentais que estão fechados na segunda feira, enfim tudo muito bom mesmo.

A viagem de barco até o Acajatuba foi tranquila, porém um pouco demorada, o barco poderia ser mais rápido!

Pequenos contratempos, creio que comuns nos hotéis de selva. No primeiro quarto que nos foi oferecido havia uma cobra no banheiro… prontamente fotografada e retirada pelo Agulha ( funcionário faz tudo do Hotel). Depois da pescaria de piranhas quando voltamos para o quarto havia uma quantidade muito grande pererecas no mesmo banheiro…. resolveram mudar de quarto ( minha esposa detesta estes inofensivos répteis). No segundo quarto oferecido ( segundo o gerente de plantão o melhor do hotel) havia uma invasão de formigas! Depois de tentativas inúteis de expulsá-las formos para o terceiro quarto.. finalmente instalados, ainda algumas pererecas, mas só o normal!

Entretanto tudo isso são só causos para se contar .. curtimos muito nossa estadia, os funcionários e guias foram muito atenciosos e competentes, fizemos todos os passeios, inclusive até Anavilhanas e retornamos para Manaus para o Tropical Business (muito bonito e confortável) piscinas e vista maravilhosa. O peixe do restaurante caldeirada (banda de tambaqui e o churrasco de carne de sol também estavam ótimos). O serviço de arrumadeira do Tropical Business deixou a desejar.. fizemos a reclamação lá.

Apesar de estar anunciado no balcão de recepção que o transfer para o aeroporto era gratuito, havia uma frase indicando que era exclusivamente para hóspedes single.. não entendemos e perdemos o horário da van e tivemos que pagar o taxi. Não sei se vc havia informado este serviço do Tropical Business,
caso não, vale a pena salientar para seus clientes.

Recomendarei para meus amigos sua agência e Manaus!

Abs,

Nilson